Procedimento:04.08.03.036-4 - DESCOMPRESSÃO OSSEA NA JUNÇÃO CRANIO-CERVICAL VIA POSTERIOR
 
Grupo:4 - Procedimentos cirúrgicos
Sub-Grupo:8 - Cirurgia do sistema osteomuscular
Forma de Organização:3 - Coluna vertebral e caixa torácica
 
Competência:06/2024
 
Modalidade de atendimento:Hospitalar
Complexidade:Alta Complexidade
Financiamento:Média e Alta Complexidade (MAC)
Sub-Tipo de Financiamento:
Instrumento de Registro:AIH (Proc. Principal)
Sexo:Indiferente/Ambos
Média de Permanência:10
Tempo de Permanência: 
Quantidade Máxima de execuções:1
Idade Mínima:0 meses
Idade Máxima:130 anos
Pontos:700
Atributos Complementares:Inclui valor da anestesia, Admite permanência à maior, CNRAC, Permite Informação de Equipe Cirúrgica, Programa Nacional de Redução das Filas de Procedimentos Eletivos Hospitalares.
Valores:
Serviço Ambulatorial:R$ 0,00
Total Ambulatorial:R$ 0,00
Serviço Hospitalar:R$ 795,63
Serviço Profissional:R$ 470,00
Total Hospitalar:R$ 1.265,63

Clique sobre o icone   para obter detalhes.

PROCEDIMENTO MOTIVADO POR DISFUNÇÕES MECÂNICAS E NEUROLÓGICAS IMPORTANTES, TUMORES, TRAUMAS OU INFECÇÕES, QUE ACOMETAM A COLUNA VERTEBRAL EM SUA JUNÇÃO CRÂNIO-CERVICAL CONSISTINDO NO ACESSO POSTERIOR. PODE HAVER A FIXAÇÃO DESTE NÍVEL COM MATERIAL DE SÍNTESE. ADMITE USO DE MATERIAIS DE SÍNTESE E ENXERTIAS.